Paulo Milton Barbosa Landim – ACIESP

Membros & Equipe

Paulo Milton Barbosa Landim

Data de Nascimento:

11/01/1938

Ano de Posse:

Compartilhe este perfil:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Pesquisar por nome

PAULO MILTON BARBOSA LANDIM, FORMADO EM GEOLOGIA PELA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO/USP EM 1961, CONCLUIU O DOUTORADO EM ESTRATIGRAFIA NESSA UNIVERSIDADE EM 1967. ESTAGIOU EM NIVEL DE PÓS-DOUTORADO, COMO “VISITING SCHLAR”, NOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA, NA UNIVERSITY OF CALIFORNIA, EM LOS ANGELES, E NA NORTHESTERN UNIVERSITY, EM EVANSTON, DE 1967 A 1968. FEZ TODA A SUA CARREIRA ACADÊMICA NO CAMPUS DA UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA/UNESP EM RIO CLARO E SE APOSENTOU, COMO PROFESSOR TITULAR, EM 1998. DE 1999 a 2015 FOI PROFESSOR VOLUNTARIO DO DEPARTAMENTO DE GEOLOGIA APLICADA DESSE MESMO CAMPUS. DE JANEIRO DE 2010 A JANEIRO DE 2018 FOI CO-LIDER DO GRUPO DE PESQUISA SOBRE ESTUDOS E PESQUISAS AGRÍCOLAS GEORREFERENCIADAS/GEPAG, JUNTO AO DEPARTAMENTO DE SOLOS E RECURSOS AMBIENTAIS DA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRONÔMICAS DO CAMPUS DA UNESP EM BOTUCATU. PUBLICOU 95 ARTIGOS EM PERIODICOS ESPECIALIZADOS E POSSUI 2 CAPITULOS DE LIVROS E 3 LIVROS PUBLICADOS. POSSUI 1 SOFTWARE E OUTROS 31 ITENS DE PRODUCAO TECNICA. ORIENTOU 17 DISSERTACOES DE MESTRADO E 21 TESES DE DOUTORADO E CO-ORIENTOU 3 TESES DE DOUTORADO, ALEM DE TER ORIENTADO 27 TRABALHOS DE INICIACAO CIENTIFICA E 1 TRABALHO DE CONCLUSAO DE CURSO NAS AREAS DE GEOCIENCIAS, ECOLOGIA E SAUDE COLETIVA. ATUA NA AREA DE GEOCIENCIAS, COM ENFASE EM GEOMATEMATICA. EM SUAS ATIVIDADES PROFISSIONAIS INTERAGIU COM 123 COLABORADORES EM CO-AUTORIAS DE TRABALHOS CIENTIFICOS. EM SEU CURRICULO LATTES OS TERMOS MAIS FREQUENTES NA CONTEXTUALIZACAO DA PRODUCAO CIENTIFICA, TECNOLOGICA E ARTISTICO-CULTURAL SAO: ANALISE ESTATISTICA DE DADOS GEOLOGICOS, ANALISE ESTRATIGRAFICA REGIONAL, BACIA SEDIMENTAR DO PARANA, DADOS MULTIVARIADOS, DADOS ESPACIAIS, SEDIMENTOLOGIA, GEOESTATISTICA, GRUPO TUBARAO, GEOLOGIA AMBIENTAL E GEOESTATISTICA. JUNTAMENTE COM O GRUPO DE GEÓLOGOS DE RIO CLARO CRIOU E ORGANIZOU O CURSO DE GEOLOGIA DA UNESP, TENDO SIDO SEU PRIMEIRO COORDENADOR, DE 1972 A 1979. EXERCEU OS SEGUINTES CARGOS ADMINISTRATIVOS NO CAMPUS DA UNESP EM RIO CLARO: CHEFE DO DEPARTAMENTO DE GEOLOGIA E MINERALOGIA, DE 1973 A 1974; CHEFE DO DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS, EM 1977; VICE-DIRETOR DO INSTITUTO DE GEOCIÊNCIAS E CIÊNCIAS EXATAS, DE 1977 A 1980 E DIRETOR DESSE MESMO INSTITUTO, DE 1981 A 1984. FOI VICE REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA, DE 1985 A 1988 E REITOR DESSA UNIVERSIDADE DE 1989 A 1993. ENTRE AS DIVERSAS HOMENAGENS QUE RECEBEU DESTACAM-SE A ATRIBUIÇÃO DE SEU NOME PARA O MUSEU DE PALEONTOLOGIA E ESTRATIGRAFIA DO CAMPUS DA UNESP EM RIO CLARO, EM 1993, E O TÍTULO DE PROFESSOR EMÉRITO OUTORGADO PELO CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNESP EM 2000.