Marcelo Knobel – ACIESP

Membros & Equipe

Marcelo Knobel

Data de Nascimento:

18/07/1968

Ano de Posse:

2018

Compartilhe este perfil:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Pesquisar por nome

MARCELO KNOBEL, 55 anos, é professor titular do Departamento de Física da Matéria Condensada do Instituto de Física Gleb Wataghin da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), atuando na investigação experimental de materiais magnéticos nanoestruturados. Dedica-se também à divulgação da ciência e da tecnologia e à Educação Superior. Em sua principal área de atuação, Knobel vem atuando em sistemas magnéticos nanoscópicos, investigando principalmente as interações dipolares em nanosistemas magnéticos, utilizando diversas técnicas experimentais, modelos teóricos e simulações computacionais. Esses sistemas, além do interesse em pesquisa básica, possuem diversas aplicações possíveis, principalmente em sistemas de gravação magnética e nanomedicina. O grupo de pesquisa que ele coordena desenvolve novos materiais nanocristalinos e realiza estudos através do desenvolvimento de novas técnicas magnéticas, estruturais e de transporte.Publicou mais de 300 artigos em revistas internacionais e 16 capítulos de livro; apresentou mais de 80 seminários convidados em diversas instituições e mais de 50 palestras convidadas em conferências internacionais. Seus trabalhos científicos têm impacto reconhecido pela comunidade e receberam mais de 11.000 citações na literatura internacional (ver http://scholar.google.com/citations?hl=pt-BRuser=_UkQ7B8AAAAJ).Knobel foi pioneiro no estudo da magnetoresistência gigante em sistemas granulares e na investigação da magnetoimpedância gigante em fios e fitas amorfos e nanocristalinos, com um grupo de pesquisa em magnetismo de renome internacional. Tem se dedicado também à divulgação científica, sendo idealizador do Museu Exploratório de Ciências da Unicamp, pesquisador na área de percepção pública da ciência, coordenador da série Meio de Cultura da Editora da Unicamp e Editor Chefe da revista Ciência Cultura, da SBPC. Foi Pró-Reitor de Graduação da Unicamp (2009-2013), onde implantou o Programa Interdisciplinar de Educação Superior (ProFIS). Foi diretor do Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano). Foi vice-presidente da Sociedade Brasileira de Física. Foi Reitor da Unicamp de 2017 a 2021. Foi Presidente do Insper de março a junho de 2023.