Adriano Defini Andricopulo – ACIESP

Membros & Equipe

Adriano Defini Andricopulo

Data de Nascimento:

07/11/1971

Ano de Posse:

2023

Compartilhe este perfil:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Pesquisar por nome

É professor titular da Universidade de São Paulo (USP) e bolsista de produtividade em pesquisa nível 1A do CNPq. É membro titular da Academia Brasileira de Ciências (ABC) e membro titular da Academia de Ciências do Estado de São Paulo (ACIESP). É fellow da Royal Society of Chemistry (RSC), fellow da International Union of Pure and Applied Chemistry (IUPAC) e full Member of The Scientific Research Honor Society – Sigma Xi. Possui graduação em Química (UFSM), mestrado e doutorado em Química Orgânica (UFSC), com estágio de doutorado-sanduíche e pós-doutorado em Química Medicinal pela University of Michigan. Seus principais interesses de pesquisa se concentram em química medicinal, planejamento e desenvolvimento de fármacos e medicamentos de origem natural e sintética para o tratamento de doenças tropicais negligenciadas e câncer. É secretário regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC – SP/Subárea III), membro titular do Comitê Gestor do Fundo de Biotecnologia (CT-BIOTEC) do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) e membro titular do Conselho Curador da Fundação de Apoio a Física e a Química (FAFQ). É diretor executivo da Academia de Ciências do Estado de São Paulo (ACIESP) e chefe do Departamento de Física e Ciência Interdisciplinar (FCI) do IFSC-USP. É coordenador de transferência de tecnologia do Centro de Pesquisa e Inovação em Biodiversidade e Fármacos (CIBFar-CEPID/FAPESP) e coordenador científico do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Biodiversidade e Produtos Naturais (INCT-BioNat). É coordenador de Projeto Temático em cooperação internacional com a University of Dundee/MRC/UKRI/Newton Fund/FAPESP. Apresentou mais de 450 conferências/palestras/seminários no Brasil e exterior. Participou de vários comitês de avaliação nacionais e internacionais e foi coordenador do Comitê de Assessoramento de Química (CA-QU) do CNPq. Foi presidente da Sociedade Brasileira de Química (SBQ) e presidente do World Chemistry Congress (IUPAC-2017). Foi presidente-sucessor, secretário geral, vice-diretor e diretor da divisão de química medicinal e membro do Conselho Consultivo. Foi coordenador do Centro de Referência em Química Medicinal para a Doença de Chagas da Organização Mundial da Saúde (OMS) no Brasil – TDR/OMS-UNICEF/PNUD/World Bank e vice-coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Biotecnologia Estrutural e Química Medicinal em Doenças Infecciosas (INBEQMeDI). Foi presidente da Comissão de Pesquisa do IFSC-USP, membro do Conselho de Pesquisa da USP e membro afiliado da Academia Brasileira de Ciências (ABC-2008). Foi membro titular da Division of Chemistry and Human Health, membro do International Advisory Board da IUPAC-2015 (Coreia do Sul) e membro do International Advisory Board do Centenário da IUPAC (IUPAC-2019, França).